Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2017

Fogo deixa moradia inabitável

Por CASCAIS24



Uma moradia, na estrada Mata da Torre, em São Domingos de Rana, ficou inabitável na sequência de um incêndio que deflagrou esta quarta-feira de manhã.
As chamas destruíram completamente uma divisão da moradia, mas todas as outras acabaram atingidas pelas densas camadas de fumo.
O alerta foi dado pouco depois das sete horas da manhã.
A intervenção de 9 bombeiros, apoiados por dois veículos da corporação de Carcavelos e São Domingos de Rana impediu a propagação do fogo.
Sabe-se que a moradia é habitada por uma única pessoa, a qual, no entanto, estava ausente, confirmou, a Cascais24, Carlos Mata, diretor da Proteção Civil municipal.
Um curto-circuito no quarto pode ter estado na origem do incêndio.
Para além dos bombeiros, compareceram uma equipa do serviço municipal de Proteção Civil e agentes da PSP de Trajouce.

Jovem que esfaqueou madrasta em preventiva

Por CASCAIS24

O jovem que, este domingo, à noite, esfaqueou a madrasta em casa, na Quinta da Bicuda, em Cascais, conforme CASCAIS24 avançou na altura em primeira mão, viu confirmada a prisão preventiva, tendo recolhido ao Estabelecimento Prisional de Caxias.
O suspeito, de 26 anos, encontrava-se sozinho em casa na rua do Flamingo, na Bicuda, com a madrasta, enquanto o pai, um alegado milionário do ramo hoteleiro, tinha-se ausentado para ir comprar o jantar.
Identificado entretanto em noticia do "Correio da Manhã" como sendo Bernardo da Costa Gomes, o alegado agressor sofrerá de doença "bipolar", o que, no entanto, não explica o motivo pelo qual atacou com várias facadas a namorada do pai, a ex-modelo bielorrusa Alena Kralko.
A ex-manequim, de 35 anos, teve que ser transportada em estado grave pelos Bombeiros de Alcabideche para o Hospital de Santa Maria, onde permanece internada.
Detido logo na altura por agentes da PSP de Cascais, o alegado agressor acabou por ver con…

Mulher esfaqueada pelo enteado

Por CASCAIS24

Uma mulher, de 35 anos, foi esfaqueada com gravidade, alegadamente pelo enteado, de 26 anos, entretanto detido pela PSP, na sequência de uma desavença, este domingo, à noite, numa residência da Quinta da Bicuda, em Cascais e teve que ser transportada pelos Bombeiros Voluntários de Alcabideche para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa.
A agressão, segundo Cascais24 apurou, ter-se-á registado numa residência da rua do Flamingo, por volta das nove horas da noite, em circunstâncias que serão agora investigadas.
A mulher, madrasta do alegado agressor, foi esfaqueada gravemente.
O presumível agressor, um jovem, de 26 anos, foi detido por agentes da PSP de Cascais, confirmou, a Cascais24, fonte do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa (Cometlis).
Para além dos Bombeiros de Alcabideche, compareceram no local a VMER do Hospital de Cascais e agentes da PSP.
Não são conhecidos mais pormenores sobre o caso.




Despiste e capotamento faz um ferido junto ao Autódromo

Por CASCAIS24

Um veículo despistou-se e capotou esta quarta-feira, ao final da noite, junto ao Autódromo do Estoril, provocando um ferido, que foi socorrido pelos Bombeiros Voluntários de Alcabideche, confirmou, a Cascais24, o comandante José Palha Gomes.
O acidente registou-se pouco depois das onze horas da noite, quando um veículo ligeiro, marca Renault Clio, embateu num lancil e acabou por despistar-se e capotar.
O ferido, de 44 anos, foi transportado à urgência do Hospital de Cascais pelos Bombeiros Voluntários de Alcabideche.
No socorro estiveram empenhados 10 operacionais, apoiados por três veículos.





Criança atropelada no Rosário

Por CASCAIS24

Uma criança, de 11 anos, foi atropelada esta quinta-feira, à noite, na Quinta do Rosário, em Cascais, e teve que ser assistida no hospital de Cascais.
Segundo disse a Cascais24 o comandante João Loureiro, dos Bombeiros Voluntários de Cascais, a criança "sofreu um toque" e foi conduzida à urgência pediátrica do Hospital de Cascais.
O acidente registou-se depois das sete horas da noite, aparentemente "fora da passadeira", na Quinta do Rosário.
A criança acabou por ser evacuada numa ambulância do corpo de Bombeiros de Cascais para a urgência pediátrica.


Fogo em pastelaria frente à sede da Divisão da PSP

Por CASCAIS24

Um incêndio, que deflagrou esta quarta-feira, à noite, na cozinha de uma pastelaria, na cave de um centro comercial, na rua Afonso Sanches, no centro histórico, foi rapidamente dominado pelos Bombeiros Voluntários de Cascais.
"Mais fumo do que fogo", disse, a Cascais24, João Loureiro, comandante dos Bombeiros de Cascais, segundo o qual, "por precaução, por tratar-se de uma área histórica da vila, foram mobilizados três veículos de socorro com 12 operacionais".
O incêndio registou-se pouco antes das oito horas da noite na cozinha de uma pastelaria, situada na cave do centro comercial, mesmo em frente à sede da Divisão da PSP de Cascais.
Segundo o comandante dos Bombeiros de Cascais "não há registo de acidentes pessoais".

Alemã a viver em Cascais evacuada de helicóptero depois de queda em arriba na praia da Ursa

Por CASCAIS24

Uma cidadã alemã, de 44 anos, a viver em Cascais, teve que ser evacuada de helicóptero para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, depois de, este sábado, pelas cinco horas e meia da tarde, ter sofrido um acidente numa arriba da praia da Ursa, a norte do Cabo da Roca.
Segundo disse, a Cascais24, o comandante Mário Fonte Domingues, do Comando Local da Polícia Marítima de Cascais, a mulher terá escorregado numa arriba bastante ingreme, tendo sofrido ferimentos aos níveis do rosto e dos membros inferiores.
Nas operações de socorro, para além da Polícia Marítima de Cascais, estiveram mobilizados os Bombeiros Voluntários de Almoçageme e um helicóptero da Força Aérea portuguesa.
A mulher foi evacuada no helicóptero para o aeroporto militar do Figo Maduro e daqui seguiu em ambulância para o Hospital de Santa Maria.

Rotura corta abastecimento de água a Manique

Por CASCAIS24

Manique de Baixo, na freguesia de Alcabideche, está a ser afetada pela falta de abastecimento de água desde este sábado, à tarde, prevendo a Águas de Cascais que o fornecimento fique restabelecido depois das dez horas da noite.
Em causa, segundo apurou Cascais24, está uma rotura junto ao número 585 da Estrada de Manique, alegadamente provocada pelos trabalhos do novo adutor - obras que têm e estão a levar o caos à circulação rodoviária e, agora, às milhares de famílias residentes, privadas do "precioso liquido".